Pet Shop Boys

pet

PET SHOP BOYS A SAGA

Neil Tennant e Chris Lowe se conheceram por acaso em uma loja de eletrônicos de Londres, em 1981. Ambos já tinham passado por algumas experiências musicais, mas sem largar as carreiras paralelas. Neil tocou em uma banda de Folk e trabalhou em um revista especializada de música como jornalista. Já Chris estudou arquitetura e fazia um estágio quando se conheceram. Na simples conversa na loja, descobriram que tinham em comum o interesse pela dance music e sintetizadores. Criaram a banda West End, com Neil nos vocais e Chris nos teclados. Eles começaram a compor juntos e logo foram tocar em pubs na cidade.

Em 1984, Neil foi fazer uma matéria na Flórida, onde conheceu o produtor musical Bobby O., com quem começaram a trabalhar. Eles mudaram de nome, passaram a chamar Pet Shop Boys, só porque tinham amigos que trabalhavam em um Pet Shop. No ano seguinte, saiu o primeiro single, “West End Girls”. O grupo conseguiu um contrato com a EMI e chegou ao topo das paradas no ano seguinte com o lançamento do álbum “Please”. A música “West End Girls” alcançou o topo das paradas em 1986.
canalpop_petshopboys-2_800x6001
O sucesso continuou com o segundo disco, “Actually”, que chegou às lojas em 1987. A música “What Have I Done To Deserve This?” contou com a participação da cantora Dusty Springfield. A parceira foi mais longe e a dupla produziu o disco solo de Dusty. O Pet Shop Boys surpreendeu a todos no terceiro lançamento, “Introspective”, com apenas seis músicas, mas nenhuma com menos de 7 minutos. A ousadia foi considerada um dos melhores trabalhos do grupo. Em junho de 1989, a dupla saiu em turnê por Hong Kong, Japão e Inglaterra. A produção do show foi bem caprichada, com roupas extravagantes, seis dançarinos, efeitos especiais e projeções.

O grupo lançou o próprio selo, Spaghetti, com o single “Heaven Must Sent You Back To Me”, do cantor Cicero. O Pet Shop Boys voltou ao estúdio para gravar “Behaviour”, um disco melancólico e poético. Em 1992, participaram da trilha sonora do filme “Jogo de Lágrimas”, de Neil Jordan, lançada pelo selo Spaghetti.

Foram três anos até um novo trabalho, “Very”, com músicas bem mais dançantes. A imagem dos integrantes ganhou roupas coloridas e extravagantes, além da produção de clipes com efeitos especiais. Eles deram continuidade ao estilo “Bilingual”, que teve forte influência da cultura latina; há uma música com trechos em português, “Se a Vida É”. Em uma passagem pelo Brasil, Neil comprou alguns CDs de música brasileira, entre eles, “Filhos do Sol”, do Olodum, que incorporou a batida do grupo na canção.

O Pet Shop Boys teve flexibilidade para mudar de estilo e não cair em receitas de sucesso. A ousadia trouxe sucesso ao grupo, que surpreendeu ao não se jogar na música eletrônica. Lançaram um álbum ambicioso, “Closer to Heaven”, do musical homônimo que ficou em cartaz em Londres. Tiveram êxito também no lançamento de três compilações remixadas, “Disco”, “Disco 2” e Disco 3”, que saiu em 2003 após o vibrante “Release”, com participação do guitarrista Johnny Marr, ex-líder do The Smiths.


Uma opinião sobre “Pet Shop Boys”

Agradecemos a sua participação.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Dj Culture. Eletronic Music. Art of Mixing. Video Mix

%d blogueiros gostam disto: